ARMAS DE CONTROLE CLIMÁTICO

A engenharia climática para fins militares tem uma história documentada e aplicada de mais de 60 anos e foi proibida em 1977 pelas Nações Unidas. Mas, como explicado em um extenso relatório da Comissão de Relações Exteriores, Segurança e Defesa,  (A40005 / 99 de 14 de janeiro de 1999), do Parlamento Europeu, apesar das convenções existentes, a pesquisa militar ainda é baseada na manipulação ambiental como arma de guerra, que representa uma grande ameaça para o meio ambiente, agricultura, apicultura, a viticultura, etc., e um impacto incalculável na vida humana.

Os programas de manipulação do clima estão sendo realizados sem o conhecimento ou consentimento dos cidadãos, fora de qualquer estrutura legal, e desconsiderando o princípio de precaução mais básico. No entanto, algo nos alerta para eventos tão sérios realizados à vista de todos que os governos negam.

Fonte: https://seryactuar.org/2018/02/17/josefina-fraile-cambio-climatico-o-manipulacion-del-clima/

Estas ações de geoengenharia têm sido denunciadas pela pesquisadora Josefina Fraile (em espanhol):

Este blog português documentou as atividades de geoengenharia na Europa até 2018, com destaque para Portugal, com vários incêndios, tempestades e atividades provocadas artificialmente, desconhecidas do grande público:

A Guerra Atmosférica: http://warsphere.blogspot.com/2017/11/a-guerra-climatica-em-julho-agosto.html

Este documentário (em espanhol, com legendas automáticas), traz depoimentos de cientistas que explicam como são feitas as experiências e as tentativas para manipular o clima do planeta:

Leia também: https://seryactuar.org/temas/geoingenieria/desclasificando-la-geoingenieria/

Transmissores de frequências para alteração do clima:

Os blogs acima e os vídeos trazem mais fontes de pesquisa. Busque mais informações.